Alagamentos e enchentes: saiba como passar com seu carro numa boa

Evite usar o pisca-alerta e tome cuidado com buracos ou galhos de árvores escondidos pela água

• por

Além das altas temperaturas, o verão também é marcado por temporais que aumentam as chances de alagamentos e enchentes. Por isso, é importante saber como ter segurança ao volante, já que a chuva forte pode cair a qualquer momento e pegar os motoristas de surpresa. A principal recomendação é sempre evitar sair nas ruas durante um temporal. 

Mas e se a enchente começar no meio do caminho, o que fazer? Com algumas dicas simples dá pra passar por alagamentos e enchentes com segurança e evitar danos no seu carro. A gente conversou com o engenheiro mecânico Francisco Satkunas, conselheiro da SAE Brasil (Sociedade Engenheiros da Mobilidade), pra saber mais. 

Saiba+: Como se proteger de raios e enchentes durante as chuvas de verão

Desligue o pisca 

Cuidado com o uso do pisca-alerta! É comum que os motoristas liguem as luzes de emergência em situações de pouca visibilidade e tráfego lento. No entanto, a Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) explica que o pisca só deve ser acionado com o veículo parado, em uma área segura.

Tome cuidado com buracos e galhos

Se a pista já estiver alagada, observe os outros carros para ter uma noção da profundidade. Você consegue atravessar sem danificar o assoalho se o nível da água estiver na altura da metade da roda. Além disso, é importante ter cuidado com buracos e galhos de árvore que podem estar escondidos debaixo da água, e ainda com objetos e detritos que podem furar os pneus.

Use a primeira marcha

Antes de acelerar, preste atenção se não há outro carro vindo na direção contrária para evitar ser atingido por uma onda. A velocidade ideal para passar por um alagamento transitável é de 15 a 20 km/h em um ritmo constante. Em carros manuais, use apenas a primeira marcha e procure manter a rotação entre 2.500 e 3.000 rpm.

O carro morreu? Não vire a chave de novo!

Se o motor morrer no meio do caminho, não tente ligar o carro novamente. A água pode entrar e estourar o motor com a partida, causando danos bem maiores. Nesse caso, saia do veículo e aguarde a chegada de um guincho para movê-lo. Também é bom alertar o mecânico que seu carro morreu entrando na água. Assim, ele pode fazer o procedimento de retirar as velas, o que  já “salva” o seu motor.

Dica extra: veja se o carro já passou por alagamentos e enchentes

O engenheiro ainda alerta: os danos de passar por alagamentos e enchentes com o carro podem aparecer apenas depois de 5 ou 6 meses. Por isso, é importante tomar cuidado na hora de comprar um usado ou seminovo, viu? A dica de ouro é dar uma espiada embaixo das borrachas das portas. Se tiver algum resquício de lama, é sinal de que entrou água no veículo.

Saiba+: Como checar o histórico de um carro usado antes de comprar

O Seguro Auto também pode ajudar

Aqui na Youse, a gente tem coberturas e assistências que são uma mão na roda se você passar por alagamentos e enchentes. Você pode contar com o nosso Seguro Auto para deixar seu carro sempre protegido e consertar qualquer dano causado pelas chuvas fortes. Olha só!

Alagamento e outros eventos naturais: Você garante a indenização se  se for pego de surpresa no meio de um alagamento ou se outros eventos naturais detonarem seu carro.

Lavagem e Higienização: Com essa assistência, você garante a limpeza do assoalho, carpetes e bancos – tudo o que for afetado pelas enchentes ou inundações.

Reparos completos: Esse serviços inclui troca ou reparo dos vidros, faróis, faróis auxiliares, lanternas, retrovisores, parachoques e até de amassados causados pela chuva de granizo.