Como saber se está na hora de trocar a bateria do carro?

Com algumas dicas é possível aumentar a vida útil da bateria e saber a hora de trocá-la

• por
Imagem: GettyImages

Você entra no carro, coloca o cinto, gira a chave e nada do carro ligar. Na maioria das vezes, isso é sinal de que a bateria não tá nos melhores dias. A Assistência Automóvel do  Seguro Auto Youse tá sempre por perto pra evitar que você fique na mão nessas horas, mas, de qualquer forma, é sempre bom ficar atento aos sinais de que é preciso trocar a bateria. A gente conversou com Roberto Gozzo, proprietário da oficina de funilaria e pintura Polimentos Roberto, pra te ajudar a descobrir se chegou a hora de trocar a bateria do carro. Dá só uma olhada nessas dicas! 

Saiba+: Como saber se a embreagem está ruim?

Saiba+: Seu carro não dá partida? Saiba o que fazer!

Como saber se é preciso trocar a bateria do carro

Já precisou virar a chave várias vezes para que o carro pegue? Se você tem dificuldade de dar a primeira partida pela manhã e percebe o motor trabalhando mais lento e pesado, significa que tá chegando a hora de trocar a bateria do carro. Farol e visores do painel com as luzes mais apagadas também podem indicar que ela está fraca. Aliás, o painel também avisa, viu? Se uma luz diferente acender, o carro pode estar avisando que a peça precisa ser substituída. Olhando debaixo do capô, você também consegue identificar alguns sinais do tempo. Segundo Roberto, a bateria começa a vazar solução e, com isso, os terminais ficam oxidados.

Se você notou algum desses sinais no seu carro, o mais indicado é comprar uma nova bateria. Vale dizer que a “chupeta” (quando você dá carga na bateria com a energia de outra) não é uma alternativa recomendada. Esse recurso deve ser usado em último caso e apenas pra você poder chegar a uma loja e comprar outra, tá?

Também é legal saber que a duração da bateria está diretamente ligada ao seu uso. Em carros mais simples, sem ar-condicionado, sons potentes e faróis adicionais, o componente terá uma duração maior. Cada bateria dura de dois a três anos, mas, se você tiver que trocar a bateria do carro antes desse período, o problema pode ser mau uso ou a qualidade da peça. 

Como fazer a bateria durar mais?

Em primeiro lugar, é muito importante que você use a bateria adequada para o modelo do seu carro, de acordo com o manual do veículo. Alguns motoristas instalam baterias com maior ou menor capacidade para ter mais potência ou pra economizar, mas essa prática pode diminuir sua vida útil e você vai ter que trocar a bateria do carro antes da hora..

Tomar alguns cuidados na hora de dar a partida no motor também pode ajudar a evitar desgastes prematuros. Uma boa dica é sempre lembrar de desligar todos os acessórios elétricos, como luzes e ar-condicionado, antes de virar a chave. “Tente não dar partida com os faróis ligados. Isso aumenta consideravelmente sua durabilidade”, afirma Roberto. Ele alerta também para os itens que possuem a corrente stand by e que consomem energia mesmo com o motor desligado, como rádio, alarmes e rastreadores. Quando parar o carro, você também pode desligar tudo e deixar apenas o motor rodando por mais dois ou três minutos. “O motor funciona para recarregar a bateria e repor energia, o que mantém a bateria saudável por mais tempo”, explica. 

Também é bom evitar deixar as luzes internas acesas ou as portas abertas por muito tempo – quando o carro estiver na oficina ou sendo lavado, por exemplo. Se ele for ficar parado por alguns dias, a dica é desligar a bateria ou manter um carregador eletrônico conectado. Manter os bornes da bateria limpos é uma atitude que também ajuda na durabilidade da bateria. Para evitar sua oxidação, é recomendado colocar um pouco de vaselina ou um aerossol específico.

Manter as revisões do seu carro em dia é outro fator essencial para preservar a bateria, dando atenção especial ao sistema elétrico. Isso inclui fazer a limpeza dos terminais e aterramentos para evitar mal-contato. Também vale conferir se o alternador está funcionando corretamente. Se alguma peça estiver com problema, pode acontecer de a bateria descarregar ou não ser carregada de maneira adequada.

Consulte sempre um profissional

Não tente se aventurar a consertar ou realizar a troca da bateria sozinho. Para cada modelo de veículo há ferramentas específicas. Além disso, os profissionais possuem alguns equipamentos que indicam o melhor procedimento. Com essas ferramentas, é possível detectar de maneira precisa se o defeito está na bateria ou no alternador, que é o responsável por transformar a energia mecânica em elétrica por meio da corrente alternada induzida por campo magnético.

Agora você já sabe como cuidar bem da bateria do seu carro, né? Se chegar a hora de fazer a troca por uma nova, você pode contar com o Seguro Auto Youse. Dentro da Assistência Automóvel, a gente garante o reboque do seu carro, autossocorro após pane e até um meio de transporte alternativo pra te levar se o seu carro der problema. Esses serviços estão sempre na palma da sua mão pra você ficar numa boa! 🙂