Dia do Ciclista: veja as regras para pedalar no trânsito

No Dia do Ciclista, a gente explica quais são as leis de trânsito para as bicicletas e como pedalar por aí em segurança

• por
dia-do-ciclista dia-do-ciclista

Além de ser um meio sustentável de transporte, a bicicleta muitas vezes é até mais rápida do que os carros para se locomover pela cidade. Mas é muito importante ficar atento a algumas regras de segurança para pedalar por aí numa boa. No Dia do Ciclista, que é comemorado em 19 de agosto no Brasil, a gente te explica quais são as leis de trânsito para as bicicletas. 

Bike segura pra curtir o Dia do Ciclista

O primeiro passo é conferir se a sua bike está equipada com todos os itens de segurança obrigatórios. De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, as bicicletas devem ter:

  • Sinalizações Noturnas Refletivas: A sinalização dianteira deve ser na cor branca, a traseira na cor vermelha e as dos pedais e laterais na cor amarela ou branca. Uma boa dica é lembrar de sempre manter as sinalizações limpas para que possam refletir a luz;
  • Campainha: Deve ser de boa qualidade para garantir que outros pedestres, ciclistas e motoristas consigam identificar a bicicleta no trânsito;
  • Espelho Retrovisor: O retrovisor deve ser colocado pelo menos do lado esquerdo. Escolha um acessório de qualidade que permita a visualização do que acontece atrás de você. O ideal é que ele seja de plástico para não oferecer riscos em caso de acidente.

Existem outros itens que não são obrigatórios, mas podem garantir mais segurança e conforto para os ciclistas. Como por exemplo: luzes de LED adicionais, para-lama, porta-garrafa, capacete, colete refletivo, presilhas para a barra da calça, cadeados, travas e cabos.

Neste Dia do Ciclista, fique atento!

Algumas capitais brasileiras já contam com ciclovias e ciclofaixas que ajudam no trânsito das bicicletas, já que ficam separadas dos carros, motos e caminhões. Mas quando não houver um espaço delimitado para ciclistas, o ideal é andar pela rua e não pelas calçadas. Nesse caso, é importante lembrar que a bicicleta também é um veículo e deve respeitar as regras de trânsito como qualquer outro. Isso vale para placas de sinalização e semáforos. 

Se quiser atravessar em uma faixa de pedestres, por exemplo, você deve descer da bike e ir caminhando junto com as outras pessoas. Lembre-se: o pedestre é o mais vulnerável dos usuários do trânsito. Quando estiver na rua, você também deve andar sempre no mesmo sentido dos outros veículos e nunca na contramão; manter uma distância segura dos outros carros, caminhões e ônibus; olhar para os dois lados antes de passar por um cruzamento e sinalizar com gestos sempre que for parar ou virar. 

Saiba+: Cuidados com bicicleta: 5 dicas para deixar sua bike numa boa

Saiba+: Como escolher a bike ideal para você?

Para evitar acidentes, ocupe um lugar na faixa que garanta maior visibilidade para o motorista e nunca faça malabarismos, ande em zigue-zague ou pegue carona em outro veículo. 

No metrô e nos trens, a bicicleta pode ser transportada em dias e horários específicos, de acordo com as regras de cada estado. Já bicicleta dobrável pode ser transportada em qualquer horário como bagagem, ou seja, guardada em uma bolsa de transporte.

Sabia que o Seguro Auto Youse também tem uma Assistência à Bike? Se você tem carro mas também curte pedalar, aproveita o Dia do Ciclista pra fechar um seguro tipo vc! Saiba mais aqui.

 

Imagem ilustrativa

Simulação de Seguro Auto

Aqui na Youse você contrata só os serviços que precisa e que cabem no seu bolso. Além de o seguro ser totalmente personalizável, você faz tudo 100% online, rapidinho e na palma da mão.

Fazer cotação
Youse - Caixa Seguradora