Aplicativo ajuda no tratamento do câncer de mama

• por

Esta edição do Start aproveita o momento do Outubro Rosa, um movimento de conscientização sobre tratamento do câncer de mama, para falar sobre um aplicativo que dá suporte digital a pacientes com câncer. 

A WeCancer nasceu de uma experiência pessoal do César Filho e do Lorenzo Cartolano, CEO e CFO da Startup. A mãe de César faleceu após descobrir um tumor já avançado e fez o tratamento em rede pública, onde ele viu que existia um desgaste emocional muito grande ao se deslocar para o hospital fazer quimioterapia e ir para casa, dificultando o tratamento do câncer de mama. 

Lorenzo também perdeu a mãe para um câncer e acompanhou de perto o tratamento em casa, anotando todos os sintomas em um caderno e repassando para os médicos. Porém muitas das decisões que a equipe tomou não foram baseadas nessas anotações. Será que os tratamentos poderiam ser diferentes se fossem mais individualizados?

Eles juntaram essas dores e entenderam que, apesar da qualidade reconhecida dos tratamentos de câncer no país, era preciso começar a acreditar que todos poderiam utilizar a tecnologia para facilitar o atendimento, relatar sintomas, permitir que ele adicione avisos de remédio, consultas e quem é a equipe médica responsável.  

É o que o app WeCancer te permite fazer. “O mais legal é que conforme o paciente vai relatando como ele está, se algo não vai bem, o app já dispara um alerta para a equipe médica responsável” diz César.

Saiba+: Conheça a Jaubra, o “Uber” da periferia

Saiba+: Start: Reconhecimento facial a favor da mobilidade

Acesso à informação

Um dos ruídos que a equipe da WeCancer identificou é a quantidade de notícias falsas que se tem na internet e que muitos pacientes acessam. São receitas, sintomas e alertas que deixam muitos pacientes confusos a respeito do tratamento do câncer de mama. 

Por isso, dentro do aplicativo existe um chat para conversar com um enfermeiro que pode tirar todas as dúvidas. “As fake news estão em todos os lugares, principalmente na área da oncologia e qualquer pessoa pode acessar isso. Então a gente traz as informações para sanar essas dúvidas que os pacientes têm” diz Jean Singh, enfermeiro da WeCancer.

O aplicativo Wecancer tem mais de 5.000 usuários cadastrados e totalmente é gratuito. Qualquer paciente com câncer ou acompanhante pode baixar no Brasil todo. O lucro fica subsidiado pelos hospitais parceiros da WeCancer.