Quais as diferenças entre o seguro residencial e o seguro condomínio?

Você tem essa dúvida? Então, vem entender com a gente!

• por
Imagem: GettyImages

A nossa casa, mais do que nunca, é um lugar onde a gente deve se sentir confortável, tranquilo e feliz. E é por isso mesmo que ela precisa de carinho e atenção, principalmente na hora de contratar um Seguro Residencial! Mas e se nossa casa estiver dentro de um condomínio? Quais as principais diferenças entre um seguro residencial e um seguro condomínio? É isso que a gente vai te explicar agora! 

Saiba+: Como funciona o Seguro Residencial Youse?

Saiba+: As principais coberturas que um seguro residencial precisa ter

Seguro residencial x seguro condomínio: o que cada um oferece

Pra aproveitar mais a sua casa e as suas coisas numa boa, o Seguro Residencial é a melhor opção. Ele é individual e opcional, e é aquele que cobre os possíveis incidentes que possam acontecer dentro da casa ou do apartamento, ou seja, é uma proteção para o imóvel e para os bens de quem mora lá. No caso da Youse, esse seguro, além de cobrir danos causados por incêndio, queda de raio ou explosão, também oferece outros serviços para contratar, como Acessibilidade para Idosos, ajudando a adaptar a sua casa para idosos; Emergência Pet, caso aconteça alguma coisa com o seu animalzinho; Sustentabilidade, que é quando a gente te ajuda a descartar móveis do jeito certo e Assistência Garagem, pra quando der aquela raladinha indesejada no retrovisor. Ele é super completo e adaptado do jeito que vc escolher!

No caso do Seguro Condomínio, o que muita gente não sabe é que ele é obrigatório tanto pra prédios residenciais quanto pra comerciais e mistos, de acordo com o Código Civil Brasileiro. É responsabilidade do próprio síndico essa contratação. Caso o condomínio não tenha seguro e aconteça algum acidente, ele pode ser processado por perdas e danos e ainda ser obrigado a ressarcir os moradores. O valor desse seguro é dividido entre os inquilinos e normalmente incluído nas cotas mensais do condomínio. Então, o seguro condomínio existe pra proteger o condomínio e suas partes comuns contra riscos de possíveis incêndios, raios ou explosões. Mas outras coberturas podem ser acrescentadas ao contrato também, como contra vendavais e problemas elétricos, por exemplo. 

Não são diferenças, são complementos

A melhor forma de separar os dois seguros é entender o que cada um cobre. Se, por exemplo, acontecer algum incidente de causas naturais, como chuva ou granizo, ou algum vidro, espelho ou mármore quebrar, são coberturas que um seguro residencial pode cobrir. Tudo indenizado de acordo com o que foi definido na franquia, claro!

Já no seguro de condomínio existe uma diferença entre os horizontais e os verticais. No caso do primeiro, o seguro engloba áreas comuns a todos os moradores, como playground e portaria. Nos condomínios verticais, essa cobertura é diferente e cobre também a proteção dos apartamentos. Por exemplo, se um botijão de gás explodir na área da churrasqueira e acabar atingindo um dos apartamentos, o seguro vale para o morador desse apê também. Mas ó, essa cobertura garante apenas indenização dos prejuízos causados à estrutura física, como paredes e pisos. Os móveis, roupas e eletrodomésticos são responsabilidade do morador, ok? A Youse oferece um seguro residencial e pode cuidar de todos esses detalhes pra você!

Por isso que esses dois seguros são complementares e ficam tão bons juntos. Um cobre o outro! Caso você precise acionar o seguro, ter os dois faz com que você não tenha que arcar com o prejuízo usando seus próprios recursos.

Agora que você já sabe tudo sobre seguro residencial e seguro condomínio, porque não ter um Seguro Residencial Youse? Bora fechar o seu e deixar o seu lar protegido e numa boa? 

Imagem ilustrativa

Um seguro tipo vc

Escolha as coberturas e assistências que quiser e feche o contrato na palma da sua mão!

Quero um Seguro Casa
Youse - Caixa Seguradora