Chove, chuva! Dicas para deixar a casa numa boa em épocas de muita água

As chuvas de verão são inevitáveis, mas você pode curtir sem preocupação tomando alguns cuidados

• por

O verão é a cara da Youse: tudo fica mais colorido, ensolarado e sempre tentamos aproveitar o máximo do dia, né? Junto com as altas temperaturas também chegam as típicas chuvas da estação para dar aquela refrescada. Mas com elas, surge uma preocupação: será que a sua casa está preparada para tanta água?

Se liga em algumas dicas superimportantes para deixar a casa segura, mesmo quando ela tem que enfrentar as tempestades de verão. Bora curtir e ficar numa boa? 😀

 

Saiba +: Seu carro elétrico em boas mãos

Saiba +: Comodidade e segurança pra você ficar numa boa

 

Tenha áreas permeáveis

Vamos começar pela base: se você ainda não tem uma casa, mas já planeja começar a construir o seu próprio “lar, doce lar”, uma dica essencial é saber como é a permeabilidade do terreno. Ana Bastos Caprini, arquiteta da Crió Estúdio Criativo, explica o porquê: “Quando se vai começar um projeto novo, é preciso ver a quantidade de terreno que pode ser impermeável (coberta). É importante ter áreas permeáveis e estabelecer essa quantia é fundamental para que o morador consiga prever a quantidade de água da chuva que poderá escoar pela terra e a quantidade que não vai ser captada pelo solo”, explica a arquiteta.

Além dessa área delimitada para que a água seja absorvida, a estrutura do piso também deve contar com ralos que ajudam a direcionar a água para o seu fluxo natural. “É preciso construir o jardim, ou quintal, com caimento para esse ralo”, fala a arquiteta.

 

Fique de olho no telhado

A maioria sabe que a área de cobre a casa é fundamental para a proteção de seus moradores, principalmente num momento em que a chuva chega. Contudo, nem todo mundo lembra que o telhado também precisa de manutenção. “A gente só acaba percebendo que tem algo errado com o telhado quando começa a entrar água na casa. As telhas quebram com facilidade, o que pode resultar em infiltração. O problema é que demora bastante até perceber uma infiltração através da umidade no forro, principalmente em casas que têm laje. Até esse momento, muita água já entrou. Então, sempre que for limpar as calhas, verifique se há alguma telha quebrada”, indica Ana Bastos.

 

E por falar em calhas…

É importante checá-las para ver se estão sujas.A limpeza deve ser feita, no mínimo, uma vez por mês, o que ajuda a eliminar possíveis entupimentos. A água da chuva deve encontrar caminho livre do telhado até o chão, para que não transborde da calha e afete outras estruturas. “A dica é: ao olhar um trecho de calha, o proprietário já pode ter noção de como está o restante. Se estiver muito suja em um ponto, nos outros também estará”, alerta a arquiteta. E não se esqueça: ao realizar a manutenção nas calhas, use equipamentos de proteção. 🙂

 

Caixilhos e Esquadrias bem vedados

Tanto janelas e portas, quanto as peças que revestem estes itens, podem ganhar novos moradores com o passar do tempo, como: as folhas que caem de árvores ou que chegam com o vento. E, acredite, elas também podem apresentar infiltração.

Às vezes, a janela não estava tão bem encaixada permitindo a penetração de água. Por isso, impermeabilize os caixilhos das janelas e portas para evitar problemas. “Com o tempo e a incidência de sol, a impermeabilização dos caixilhos vai se desgastando. Desta forma, eles também precisam de cuidados e vale, vez ou outra, verificar se o silicone está desgastado. Caso esteja, basta aplicar mais uma camada de silicone para garantir que a vedação esteja intacta. E quando for pintar a casa ou apartamento, vale verificar se está tudo em ordem com portas e janelas”, exemplifica a arquiteta.

 

Paredes externas impermeáveis

As paredes de fora da casa também merecem uma atenção especial. “A impermeabilização das paredes  evita aquelas bolhas que surgem com a umidade, explica Ana Bastos. Neste caso, fica a dica: utilize produtos e tintas próprias para as áreas externas.

 

Eletrônicos vs. raios

Para garantir sempre boas energias dentro de casa, o que devemos fazer? Cobrir o umbigo como a Jade Picon? Não! Na verdade, quando começa uma tempestade, o melhor a fazer, de acordo com a arquiteta, é tirar os eletrônicos da tomada, sobretudo se você mora em uma região que, historicamente, tem incidência de grandes descargas de energia.

Mas a real é que, mesmo com todas estas dicas, você ainda pode contar com a Assistência Prevenção do Lar da Youse e ficar numa boa com: 

  • Revisão elétrica (fiações aparentes? Jamais!);
  • Serviços para lâmpadas, tomadas e interruptores (tudo em ordem para acender e apagar);
  • Olho mágico (para dar aquela espiadinha)
  • Fechaduras e dobradiças (para garantir que portas e janelas estão fechando direitinho);
  • Caixa d’água (limpas, higiênicas e saudáveis);
  • Calhas (sem goteiras, sem sujeira);
  • Organização de móveis (arrasta pra cá, arrasta pra lá, até encontrar um bom lugar);
  • Fixação de objetos (nas paredes, nas janelas, no banheiro… onde você quiser);
  • Antenas (sempre no lugar para não perder o sinal, nem o BBB) 😛


 Tá esperando o quê?  Faça uma cotação online, garanta o seu Seguro Residencial e fique numa boa!

 

(Texto com a colaboração de Giovanna Gheller)