O que é orgânico e o que é reciclável? Descubra como separar o seu lixo da forma correta!

Pequenas mudanças de hábito podem fazer uma baita diferença pro meio ambiente.

• por

Hoje é o Dia Mundial do Meio Ambiente, a data foi criada lá em 1972 pela Assembleia Geral das Nações Unidas, e até hoje é um lembrete de voltarmos nosso olhar pra nossa casa e analisar se nossos hábitos estão ou não prejudicando o planeta. 

Neste Start, a gente veio te explicar certinho as diferenças entre o lixo orgânico e reciclável e quais as 5 palavras que vão transformar a sua forma de consumir! #Bora 👊

Leia +: Dicas para um consumo consciente e uma vida mais sustentável 

Leia +: Você sabia que existe uma assistência sustentabilidade no Seguro Residencial? 

O que é orgânico e o que é reciclável? 

Todo resíduo que tenha origem animal ou vegetal, como: O resto de comida das suas refeições, cascas, sementes, madeira, é considerado lixo orgânico. Já as embalagens plásticas, papéis, metais e vidros são lixo reciclável. 

Esses dois tipos de lixo não podem ser descartados juntos, o ideal é ter um recipiente para cada. Então aí na sua casa, se não fizer parte da sua rotina, vc pode começar a separar  mesmo que a coleta seletiva não seja uma realidade na sua cidade, beleza?! O importante é cultivar o hábito sustentável.

Os 5Rs para um consumo mais responsável 

Abrir a discussão sobre o impacto das nossas formas de consumo, é extremamente importante pra gente repensar nossos hábitos. E o carro chefe desse movimento são 5 palavrinhas: repensar, recusar, reduzir, reutilizar e reciclar. 

Repensar

É gastar um pouquinho mais de energia pra prestar atenção no que vc consome e como faz o descarte do que não precisa mais. Nessa hora é só se perguntar: Estou fazendo o descarte do meu lixo da melhor forma? Compro só o que preciso? Estou desperdiçando mais do que aproveitando? 🤔 

Se você não realiza o descarte da forma correta, consome desenfreadamente e desperdiça grande parte do que você compra, é sinal de que vc precisa mudar um pouquinho! (Continue lendo, a gente te mostra como ficar #NumaBoa com o planeta 😉)

Recusar 

A palavra é bem autoexplicativa: Se recusar a consumir produtos e alimentos que sejam prejudiciais ao planeta. Alguns exemplos: Parar de usar lâmpadas incandescentes, não consumir alimentos que usam agrotóxicos e produtos que testam em animais. 

Reduzir 

Esse hábito nos diz para evitar o desperdício e focar no consumo de bens que têm uma maior durabilidade, mesmo que o preço seja um pouco mais alto. Vc também pode guardar embalagens e apostar nos refis, comprar alimentos a granel e usar ecobags. 

Reutilizar 

É quando vc aumenta a vida útil de algum bem, evitando que ele vá parar em lixões e acabe prejudicando o meio ambiente. Dá uma olhada no que vc pode reutilizar aí na sua casa: 

  • vidros de conserva;
  • potes de margarina;
  • papéis de presente;
  • panos de prato velhos.

Reciclar 

Diz respeito a inserir um item em processos que o transformem em algo totalmente novo! Dessa forma, é possível economizar energia e recursos naturais, pois a reciclagem é um processo que exige menos insumos, gera empregos e renda para a população. 

Vc pode e deve optar por comprar produtos recicláveis também, assim contribui com toda essa cadeira de sustentabilidade! 

Uma ajudinha não faz mal a ninguém! 

Entre as assistências do nosso Seguro Residencial, vc vai ver a Sustentabilidade, que nada mais é do que aquela mão amiga na hora de fazer o descarte correto de móveis e equipamentos que vc quiser se desfazer! É a melhor forma de ajudar o meio ambiente e economizar 😀

 

Texto por Jacqueline Gonçalo