Namoro virtual: tecnologia ajuda a aproximar casais que moram longe

Aplicativos de videochamada são aliados de quem vive um relacionamento à distância

• por
Arquivo pessoal

Imagine a seguinte situação: você se apaixona, conhece a pessoa que tanto desejava, só quer saber de estar junto e tudo vai dando certo. Cinema com pipoca, cobertor nos dias frios, massagem nas costas, até que vem a vida e diz: “calma lá, queridinho!” Seu amor recebe uma promoção no trabalho e vai morar a quilômetros de distância. Triste, mas corriqueiro. E aí, você tem que viver um relacionamento à distância. 

Tem ainda aquelas paixões de viagem, quando a gente conhece alguém interessante, mas está muito longe de casa e precisa se afastar quando acabam as férias. Como diria o poeta, quem nunca viveu um amor à distância não sabe o que é saudade.

Mas, felizmente, hoje em dia, nós temos mais recursos para lidar com isso do que tinham nossos pais e avós, por exemplo. A tecnologia tem aproximado casais que vivem longe um do outro, encurtando a distância e aproximando os corações. O namoro virtual ajuda a não deixar as coisas esfriarem e manter, de alguma forma, os companheiros próximos.

Saiba+ https://start.youse.com.br/universo-youse/amor-para-todes-conheca-a-historia-de-tres-casais-que-ousaram-viver-o-amor

Saiba + https://start.youse.com.br/seguro/residencial/por-que-e-importante-ter-um-seguro-residencial-2

Amor maior que o oceano

Esse é o caso do youtuber Glauber Britto e o marido, Rhicardo Bartolomeu, que se conheceram em um aplicativo de paquera. Sem pretensão, as coisas foram ficando mais sérias e, em pouco tempo, o casal estava vivendo junto. 

Primeiro eles moraram na Austrália, já que Rhicardo trabalhava no consulado brasileiro naquele país. Com a transferência para Angola, os pombinhos precisaram mudar de continente. Aí chegou a pandemia, e com restrições nos voos entre os países, Glauber ficou no Brasil, enquanto Rhicardo permanece trabalhando em Angola.

Já imaginou isso? Mais de um ano com um oceano de distância entre você e seu amor? É de partir o coração, gente! Mas, e aí, como fazer o relacionamento à distância dar certo?

Para diminuir a dor da saudade, os dois usam videochamadas. Assim, conseguem, ao menos, conversar “cara a cara” diariamente. “Nós falamos todos os dias por vídeo, antes de dormir e sempre trocamos mensagens via WhatsApp ao longo do dia. É o jeito que encontramos para nos manter conectados e presentes na vida um do outro”, explica Glauber.

No caso dos dois, ainda tem o agravante da diferença no fuso horário. Mais uma dificuldade que o casal precisa superar para estar junto, nem que seja virtualmente. 

Mimos virtuais

As surpresas também são uma maneira que os dois encontram para fazer o outro se sentir lembrado e próximo do companheiro. Um presentinho fora de hora, que chega de repente, abre um sorriso no rosto do marido e ameniza a saudade. “A gente manda presentes até fora das datas comemorativas. Às vezes, coisa simples mesmo. Só para melhorar o dia do outro e para manter a relação viva, pra lembrar que a gente se importa e quer ver o companheiro feliz!”, conta Glauber. 

Se você está tão longe do seu amor quanto Glauber e Rhicardo, dá para usar plataformas de e-commerce internacionais, que garantam a entrega do presente no país de destino. Mas, se os dois estiverem aqui no Brasil, mas vivendo em cidades ou estados diferentes, os grandes varejistas nacionais dão conta do recado. Você pode ainda fazer um agrado, enviando o prato preferido do seu companheiro usando as plataformas de delivery de comida. Basta adicionar corretamente o endereço de entrega, que o saboroso presente será entregue. Que delícia! 😀

Agora que você conheceu essa história de amor à distância, com um oceano entre os dois, não tem mais desculpa para deixar de viver um romance com quem não está por perto, né? Abra o coração, deixe o amor entrar e siga os conselhos do Glauber, que sabe como manter um relacionamento mesmo sem a presença física. “ A união de duas pessoas tem que ser baseada em amor, confiança e lealdade, nunca no sexo. Isso faz com que a relação seja melhor e mais fluida. Assim, mesmo longe, dá para manter a chama acesa, mas claro, não vejo a hora de ser vacinado e poder viajar normalmente pra gente se encontrar”, conta.

E a gente está na torcida por aqui! Que chegue logo o dia dos dois se encontrarem, já imaginaram a cena romântica?

Até lá é importante manter o celular e o computador funcionando direitinho. Com o Seguro Residencial Youse, que é 100% digital, você garante assistência técnica, suporte e manutenção para o seu computador pessoal.