10 dicas pra começar o ano sem dívidas

Organizar as finanças é o primeiro passo pra conseguir tirar aquele sonho do papel

• por
Imagem: GettyImages

O início do ano é um ótimo momento pra pensar em tudo que a gente quer realizar nos próximos meses. Às vezes, o sonho pode parecer distante ou até inviável, mas é por isso que a gente tá aqui. Dá só uma olhada nessas dicas e aprenda a manter a conta sempre no azul em 2021! 

Saiba+: #ModoCasa: 5 apps de finanças pessoais pra ajudar a controlar os gastos

Saiba +: Como fazer uma cotação de seguro auto online?

Tudo o que você precisa saber para começar o ano no azul

Faça uma retrospectiva do seu ano

Pra organizar suas finanças de uma vez por todas, é importante entender onde você cometeu deslizes com o seu dinheiro no último ano. A gente separou algumas perguntas que vão te ajudar a entender a quantas anda sua vida financeira. Responda com muita sinceridade, combinado?

  • Quanto do meu dinheiro foi destinado a gastos essenciais, como alimentação, despesas domésticas, transporte e educação?
  • Quanto foi destinado a gastos supérfluos?
  • Dessas despesas, o que considera desperdício de dinheiro?
  • Em que estou gastando além da conta?
  • Quantas compras fiz e me arrependi?
  • Quanto consegui poupar?
  • Quais são as dívidas que tenho com financiamentos, empréstimos e cartão de crédito?

A partir dessas respostas, você vai conseguir ter uma visão clara dos seus hábitos de consumo. Talvez você leve um pequeno susto e se dê conta de que fez muitas compras por impulso ou acabe percebendo que um gasto aparentemente importante não foi tão útil assim, como a compra daquele eletrônico que mal chegou e já precisou ir pro conserto. Essa análise vai te ajudar a se organizar muito melhor, deixando os erros pra trás e investindo nos acertos.

Crie uma estratégia – e siga!

Tá, agora que você já refletiu e conseguiu entender onde errou e onde acertou no último ano, é hora de traçar um plano concreto pra 2021. Pro seu plano dar certo, a dica número um é manter os pés no chão. Por exemplo, se você ainda tem muitas parcelas a pagar, que tal começar com uma meta de não fazer mais compras parceladas? Você não tem ideia de como essa atitude aparentemente simples vai gerar um impacto enorme lá na frente! 

Use a internet a seu favor

Tem dificuldade em colocar metas no papel? Use e abuse da tecnologia! Você pode fazer uma planilha no computador ou baixar algum app (a gente fez uma matéria super legal sobre isso, olha aqui!). Assim, vai ficar muito mais fácil anotar todas as entradas e saídas do seu orçamento e separar os gastos entre fixos e variáveis. 

Gastos essenciais, será?

Já parou pra pensar que, talvez, um gasto que você considere essencial não seja realmente tão importante assim? Exemplo: você vai a todos os lugares de carro, mas poderia muito bem dar aquele pulinho na padaria ou na farmácia a pé. Você compra sempre em um hipermercado específico, mas o seu bairro tem um mercadinho com todos os produtos de que você precisa. Se identificou? Pois é, então bote a mão na consciência e pense se dá pra economizar nessas situações também!

Compra consciente

Toda vez que bater aquela vontade de comprar a blusinha que viu na internet, faça a seguinte pergunta: “Quero mesmo esse produto ou só estou sendo induzida a essa compra?”. Acredite, muitas vezes a segunda opção vai ser a verdadeira! Nesses momentos, faça outra coisa por uns minutinhos, depois volte para o computador e veja se aquela aquisição ainda faz sentido.

Que tal vender o que não usa mais?

Às vezes a gente compra um vestido no impulso, que nem é muito a nossa cara, usa uma vez e deixa ele lá no armário, esquecido. Sempre tem também alguém que comprou um sofá ou cadeiras pra casa, mas precisou se mudar e eles não combinam mais com o novo lar. Por que não desapegar e vender pra alguém que vai aproveitar muito mais? Além de ser uma atitude sustentável, você ainda ganha uma graninha!

Bora trocar de carro? 

A gente falou nessa matéria aqui que é muito importante ter um carro que faça sentido pra sua vida financeira e seu estilo de vida. Por isso, às vezes compensa trocar por um que gaste menos e que não desvalorize taaanto assim. Se esse for seu plano, aqui na Youse tudo é bem simples, viu? É só fazer um endosso de troca de carro direto no App! No segurês, endosso significa a alteração de algum dado do seu contrato de Seguro Auto online. É bem fácil e você pode fazer tudo na palma da mão. 🙂 

Pague o que deve

Prometa pra si mesmo que, antes de comprar qualquer coisa nova, você vai pagar as compras que ainda estão em aberto. Priorize as dívidas mais urgentes e vá tirando da frente tudo o que for possível. Ah, e sempre tente concentrar os pagamentos em dias próximos ao que você recebe o salário, assim você já se livra da fatura.

Nem tudo dá pra controlar

Por mais que você se planeje, algo inesperado pode acontecer, como um gasto médico não previsto ou a troca de algum eletrodoméstico. Por isso, é essencial criar um fundo de emergência que possa garantir um fôlego financeiro para qualquer surpresa. O ideal é que essa reserva consiga cobrir e manter sua vida por seis meses, mas, se não der, mantenha guardado o que for possível.

Guarde dinheiro, sempre!

A gente já falou sobre a importância de ter uma reserva aí em cima, mas pense que o hábito de poupar dinheiro deve ser constante, não dá pensando em alguma emergência, mas na sua estabilidade. Faça as contas e guarde o que estiver ao seu alcance. Quem sabe um dia ele não pode servir pra você finalmente realizar um sonho antigo? 🙂

Outro jeito de economizar é fazendo um Seguro Youse! Seja Auto, Residencial ou Vida, você escolhe só as coberturas e assistências que precisar pra montar um seguro que cabe no seu bolso!